Sereia de Ouro


Atalhos


Agraciados

  • Patativa do Assaré

Patativa nasceu em Assaré. No batismo recebeu o nome de Antônio Gonçalves da Silva, mas foi como Patativa do Assaré – sua poesia era comparada ao canto da patativa – que se popularizou. Dedicou mais de 84 anos à poesia. Patativa figurou, em 2001, na lista dos dez “Cearenses do Século”. E, para merecer tanto destaque, fez muito por este Estado. Com sua poesia falou como ninguém do Ceará.

Das belezas, da seca, de sua gente e do sofrimento do sertanejo. Até 1955, a poesia de Patativa era difundida apenas na voz dos cantadores e de outros poetas populares. Um ano depois publicaria seu primeiro livro, “Inspiração Nordestina”. Em seguida, vieram outras dezenas de publicações, além de dezenas de homenagens. Incluindo um memorial que leva seu nome.



TV Verdes Mares
Sistema Verdes Mares
Praça da Imprensa S/N
Fortaleza, Ceará, 600000 Brasil